Conceito geral

       O luto é uma reação, menos ou mais prolongada, a uma perda pessoal profunda.

Causas principais

  • a separação de pessoas, por morte, divórcio, emi­gra­ção ou encar­ce­ra­mento;

  • a perda de fantasia de afeto, como o feto abortado ou o nascimento do filho deficiente;

  • o dano ao amor-próprio, por abla­ção do seio ou outra ampu­tação;

  • a desvalorização social, por desqua­lificação profissional, desemprego ou não reconhecimento de com­pe­tências;

  • perdas socialmente desvalorizadas ou condenadas, como objetos ou animais de estimação e compor­tamentos de minorias.

 

 Classificação

  • normal ou sadio
    • é superado com o tempo;
    • pode ser simples ou complexo;
    • decorre num período menos ou mais prolongado
    • mais de 95% dos lutos cabem nesta categoria;
    • o apoio informal a este luto pode ser   realizado por familiares e amigos;
    • o apoio formal é realizado por   Conselheiros do Luto;
  • psicopatológico ou doentio
    • necessita de intervenção terapêutica;
    • é muito complexo;
    • decorre num período prolongado;
    • a ocorrência destes lutos é muito baixa;
    • necessita de intervenção terapêutica de Terapeuta do Luto.
     

Leituras

aa  aa